A Google recebeu recentemente um pedido para fechar centenas de sites de IPTV.

Os sistemas ilegais de IPTV fazem uso da Internet para transmitir sinal de televisão pago. Este tipo de serviços geraram mais de mil milhões euros de lucro só na Europa. Além de sites “especializados”, até no Facebook se vendem este tipo de serviços.

A Google recebeu recentemente um pedido para fechar centenas de sites de IPTV.
Começou a guerra aos sites de pirataria, mais concretamente de IPTV. Recente a SKY pediu à Google a remoção imediata de quase 500 sites IPTV. De acordo com a empresa, os sites violam direitos de transmissão e de autor.

Segundo a SKY, “os sites ilegais denunciados fornecem links externos com os quais os utilizadores podem aceder e descarregar, sem autorização, conteúdo protegido por direitos de autor.” Além da Itália, também no Reino Unido já se começam a iniciar algumas movimentações no sentido de fechar sites de IPTV.

Em novembro a SKY enviou uma lista à Google que contém 495 sites de IPTV. Da lista fazem parte sites como “miglioriptv.net”, “iptvthebest.ws” e “migliorstreaming.net”. Os preços destes serviços são bastante atrativos… bem mais baratos que os serviços de TV legais.

Fim do IPTV? Google recebe pedido para fechar centenas de sites

TV pirata sempre existiu, mas os sistemas têm evoluído em termos tecnológicos. Ao nível do “marketing”… se assim se pode chamar, também tem havido mudanças.

Hoje em dia os anúncios para compra/aluguer de um sistema pirata de TV aparecem descaradamente nas redes sociais. Os preços são bastante atrativos e os utilizadores têm aderido.
O fim do Xtream Codes…

Em setembro passado, a Guardia di Finanza italiana realizou uma enorme operação policial para desmantelar o conhecido serviço de IPTV Xtream Codes. Esta operação não ficou limitada às fronteiras do país, contando com a colaboração de várias autoridades europeias por se tratar de um grupo criminoso internacional – saber mais aqui.
Será que a SKY vai ganhar esta batalha?

Fonte: https://pplware.sapo.pt/informacao/fim-do-iptv-google-recebe-pedido-para-fechar-centenas-de-sites/